«Há 10 anos quando o Real Madrid me contratou por 75 milhões, eu disse que não valia esse dinheiro. Hoje em dia penso que nenhum jogador vale isso, ainda mais no clima económico que estamos a passar. Mas o futebol é assim, infelizmente», afirmou Zidane.

«Bale tem um potencial incrível e que pode ser melhorado. Perguntem-me no final da temporada se ele vale esse valor. A minha missão é retirar-lhe alguma pressão que possa ter e que jogue como só ele sabe», referiu depois Zidane, aliviando a carga das primeiras impressões.