«É mais uma guerra e vamos trabalhar esta semana para recuperar rapidamente a equipa para vencer. Não temos outra alternativa agora. Temos um objectivo bem definido, que passa primeiro por atingir a segunda posição, que ainda depende de nós, e sabemos que o primeiro lugar está extremamente difícil, porque o F.C. Porto é uma equipa forte. Agora só nos resta ganhar, é o único pensamento e a única motivação que devemos ter», destacou.

Apesar da distância para o líder estar fixada, à partida para a 20ª jornada, em sete pontos, o lateral não desanima e quando lhe perguntaram se ainda acreditava no título, Abel tinha a resposta na ponta da língua e soltou-a num ápice: «sempre!».