O madeirense esteve afastado durante algumas semanas, devido a uma lesão traumática, enquanto o luso-guineense recuperava de uma operação ao menisco interno do joelho direito, na sequência da lesão sofrida frente ao Estoril, para a Taça da Liga, no início de Janeiro.

Em sentido inverso, enquanto Bruno Amaro continua a fazer corrida, Amoreirinha voltou a não marcar presença na sessão devido ao traumatismo no pé direito que já o havia afastado do jogo com o Rio Ave, tal como Pedro Costa que sofreu uma contractura no gémeo, ainda na primeira parte do jogo. Também Diogo Gomes não se treinou devido a um traumatismo, neste caso no pé esquerdo.

Emídio Rafael, Nuno Coelho e João Ribeiro, todos envolvidos nos trabalhos da selecção de sub-23 (regressam quinta-feira aos trabalhos) completaram o lote de ausências, num total de seis. Com isto, André Villas Boas acabou por chamar dois jogadores da equipa júnior, o central Ricardo Aires e o médio Paulo Grilo.

Esta terça-feira há novo treino na academia do clube, com início marcado para as 10h30.

Entretanto, a Académica entregou ontem a documentação final relativa à candidatura às provas europeias, depois de ter procedido à inscrição nos prazos regulamentares, ou seja, a 20 de Dezembro último.