Der Spiegel

Os árbitros alemães, Bernd Ullrich e Frank Lemme, foram detidos no dia seguinte à final, em pleno aeroporto de Moscovo, depois de ter sido detectada na sua bagagem uma bolsa de plástico contendo 50 mil dólares. Incapazes de explicar a origem daquela quantia às autoridades russas, os alemães puderam seguir viagem, depois de assinar um documento renunciando à posse do dinheiro.

O caso ganhou agora dimensão pública, com o Der Spiegel a citar um funcionário da federação russa, que garante ter havido suborno por parte do clube russo. O Chekhovskie Medvedi ganhou a segunda mão da final por oito golos de diferença, anulando a desvantagem trazida de Espanha.

Os árbitro alegam inocência, afirmando que o dinheiro foi colocado na bagagem sem o seu conhecimento, mas o facto de não terem informado a federação alemã do sucedido foi suficiente para que esta os suspendesse das funções até que o inquérito ficasse concluído.