A contra-análise confirmou o positivo de Powell e de outros quatro atletas jamaicanos, entre os quais Sherone Simpson. O jornal cita uma fonte da Comissão antidopagem jamaicana (JADCO).

Em julho passado, Powell foi notificado de que tinha um resultado de análise positivo (oxilofrina) e ficou de imediato suspenso. Sherone Simpson, medalhada nos Jogos Olímpicos de 2008, argumentou então que o seu resultado poderia dever-se a um complemento alimentar que estava a tomar.

O caso foi tornado público no mesmo dia em que o norte-americano Tyson Gay, segundo mais rápido de sempre em 100 metros, anunciou que também ele tinha sido controlado positivamente. A agência norte-americana (USADA) confirmou o caso, sem especificar a substância.