«Eu sinto-me bem. Estive a treinar uma semana com Gales e levo um par de treinos aqui. É evidente que estou um pouco atrás do resto no aspeto físico, mas creio que é possível. O mister deu-me as boas vindas e oxalá possa ter em breve um lugar na equipa», disse aquele que foi a contratação mais cara de sempre.

O Real Madrid, que inicia terça-feira a campanha na Liga dos Campeões frente ao Galatasaray, tem, segundo Bale, a obrigação de vencer sempre: «Todos querem ganhar títulos em Madrid. Aqui quere-se ganhar todos os troféus, não só a Champions. O (Real) Madrid tem a pressão para ganhar tudo».

Quanto à chegada a Madrid e à forma como foi recebido, o jogador diz que toda a gente foi «muito amável e encantadora» e não esqueceu Cristiano Ronaldo, que segundo Bale o recebeu muito bem, com o galês a deixar o seu desejo de «poder estar junto a ele (Ronaldo) no campo».