Jorge Jesus, treinador do Belenenses, em declarações ao sorteio da Taça UEFA que colocou os alemães do Bayern Munique no caminho da formação do Restelo:
«O Bayern Munique não me tira o sono. Nem considero que nos tenha saído a fava, saiu-nos o brinde. Teoricamente eles têm mais possibilidades. Vamos ver, no dia do jogo se a teoria corresponde à prática. À partida muitos poderão pensar que estamos eliminados, mas vamos lá para disputar o jogo. Quando as equipas são fortes o colectivo é que irá fazer o equilíbrio. Ainda não perdemos a esperança».
O capitão Silas assinou por baixo tudo o que disse o treinador:
«Preferíamos uma equipa teoricamente mais acessível de modo a podermos ir à fase de grupo. Jogar com o Bayern é sempre estimulante e motivador. Se não tira o sono ao treinador, a mim muito menos».