O treinador do Benfica assegura que o plantel não fica afetado pela interdição de quatro jogos aplicada ao Estádio da Luz (passível de recurso com efeitos suspensivos), e acredita que a equipa contará sempre com a força dos adeptos.

«Não (afeta). São coisas que não podemos controlar. A direção respondeu da forma que acha correta. Aquilo que eu controlo são outras coisas», começou por dizer Bruno Lage, na conferência de imprensa de antevisão da visita ao Galatasaray, para a Liga Europa.

«O que eu vejo e sinto é que, da forma que estamos a encarar todo este processo, queremos muito jogar no Estádio da Luz, na nossa casa. Se não houver Estádio da Luz jogamos em qualquer estádio, pois os sócios estão connosco e vão encher todos os estádios do país a apoiar-nos, pois esta equipa merece o apoio, pela forma como trabalha e joga», acrescentou o técnico encarnado.