Ljubomir Fejsa foi uma das figuras do tetracampeonato do Benfica, mas acrescentou também mais um título ao impressionante currículo.

Com a conquista do «36», o médio sérvio somou também o 10.º título consecutivo da carreira, por três clubes diferentes.

Fejsa falou aos jornalistas à margem do jantar comemorativo do «tetra», dizendo-se feliz pelo feito, mas sem valorizar demasiado os títulos consecutivos nos últimos nove anos.

«Desde o início que lutámos muito por este título, por isso acho que é merecido. Como é ganhar nove anos seguidos? O sucesso não é apenas meu, é graças aos meus colegas, aos presidentes, aos adeptos, de todos nós», afirmou o sérvio, esta segunda-feira. 

«Se me sinto um amuleto da sorte? Não, não me sinto um amuleto, mas claro que me sinto feliz. É bom estar na história do Benfica, porque é um grande clube e fico muito feliz.»

À entrada do jantar dos campeões, que junta no Palácio de Xabregas cerca de 500 convidados, Fejsa foi também questionado sobre se vai continuar no Benfica. O sérvio foi rápido a responder. «Sim. Ainda tenho contrato de dois anos e vou ficar.»