A lesão foi contraída na segunda-feira, durante um jogo-treino dos suplentes do Brasil com a equipa sub-20 do Grémio. Esta terça-feira Anderson realizou uma ressonância magnética que confirmou o pior cenário. O médio já nem efectuou o treino da formação nacional, limitando-se a observar do banco de suplentes o trabalho dos companheiros.

Anderson já iniciou o trabalho de recuperação da lesão, o qual continuará quando regressar a Inglaterra para reintegrar o plantel do Manchester United. Para já é seguro que não defronta o Peru, esta quarta-feira, estando também em dúvida para o reencontro com o F.C. Porto, agendado para a próxima terça-feira, no estádio Old Trafford.