No jogo que acabaria por decretar a descida da sua equipa, o Comercial, à divisão A3 Paulista, o técnico teve dois gestos reprováveis. Primeiro empurrou um jogador da equipa adversária, o Catadunvende, que se preparava para marcar um lançamento, e logo de seguida deu um soco ao árbitro do encontro.

No final do jogo Pedro Santilli tentou falar com o árbitro, para desculpar-se pelo gesto, mas bateu com o nariz na porta do balneário da equipa de arbitragem, que não quis conversas.

Veja a atitude de Pedro Santilli: