A jogar em inferioridade numérica, o Palmeiras evitou a derrota no terreno do Fortaleza (2-2) e divide a liderança do Brasileirão com o Flamengo de Tite. Abel Ferreira ficou satisfeito com o desempenho da sua equipa.

«Há dois meses, o treinador do Palmeiras era fraco, a direção não prestava e os jogadores estavam velhos... Independente do que acontecer no fim, esta equipa tem atitude campeã», salientou o técnico.

O treinador português não poupou elogios aos seus jogadores: «O meu maior orgulho nesta equipa é a atitude, a forma como fazemos das tripas coração para dependermos só de nós. Temos três finais, preciso da ajuda dos nossos adeptos agora, com jogos na nossa casa. Está tudo em aberto, e vamos ter campeonato até o fim.»

«Tenho um respeito muito grande pelos adeptos do Palmeiras, mesmo os que são mais cornetas. Nunca imaginei na minha vida, quando atravessei o Atlântico, que criaria uma relação tão forte com os jogadores, com o emblema e com os adeptos. Tenho uma gratidão muito grande para com todos os nossos adeptos, que são muito importantes nas nossas conquistas. Tenham certeza que fazemos o máximo que conseguimos e podemos para vos dar alegrias», rematou Abel Ferreira.