«A pressão de ganhar existe, claro, mas temos de estar sempre pressionados para ganhar. Temos de ganhar, precisamos dos pontos e é para isso que estamos cá: para fazer um bom jogo e ganhar. Estamos num momento delicado, estamos concentrados, sabemos que é uma boa altura para ganhar e contamos com o apoio dos adeptos.»

Do adversário, já se sabe, desta vez não conta com a sua principal estrela, mas nem isso é motivo de distracção. «O Ibrahimovic é um jogador de classe mundial. É o ponta-de-lança mais forte no futebol e é bom ele não jogar, mas a Suécia tem outros bons atletas, que vão dar tudo para ganhar. Estamos preparados e acho que vamos ganhar o jogo.»

«Ronaldo sabe como ultrapassar a pressão dos suecos»

O jogo com a Suécia, agendado para sábado, marca de resto o regresso da Selecção Nacional ao Estádio do Dragão. Para Bruno Alves é um palco especial, claro. Por junta o útil ao agradável. «Jogar no Dragão é uma motivação acrescida. É a minha casa, estão lá os meus adeptos e de certeza que vamos ter uma casa cheia para nos ajudar.»

Ora no Dragão, os suecos contam com a atenção do árbitro. Tem sido enorme a pressão sobre o juiz por causa de Ronaldo, a quem acusam de ser mergulhador. Bruno Alves acha que são fait-divers. «O Ronaldo está habituado a jogar em todos os ambientes. Ele é o melhor jogador do mundo e sabe ultrapassar essas pequenas coisas facilmente.»

Deco vai ajudar-nos, dentro ou fora de campo»

Por fim falou-se de Deco. O médio do Chelsea é nesta altura a principal dúvida para o confronto de sábado. Nesta quarta-feira deu claras indicações que pode recuperar a tempo de jogar, mas é prematuro ter surpresas. Bruno Alves conta com o companheiro. «Contamos com ele e sabemos que nos vai ajudar, seja dentro ou fora de campo», disse.

«Ele tem estado junto connosco, tem apenas trabalhado à parte porque está a melhorar os índices físicos. É um excelente jogador e uma excelente pessoa, por isso precisamos dele, quer ele esteja dentro ou fora de campo. Precisamos de todo o apoio possível, o Deco, como já disse, é um grande jogador e contamos com ele para nos ajudar.»