Este organismo tinha apresentado de recurso de uma decisão do Tribunal das Varas Cíveis do Porto, que em Setembro declarou ilegal a actividade da Bwin, e proibiu qualquer publicidade à mesma. A empresa é, recorde-se, principal patrocinadora da Taça da Liga. A Associação de Casinos e a Santa Casa da Misericórdia apresentaram um requerimento para anular os efeitos suspensivos do recurso, algo agora conseguido.

No seguimento desta decisão, a Bwin decidiu retirar de imediato todos os patrocínios, incluindo o relativo à própria Taça da Liga.