Quaresma começou no banco, assim como Paulo Ferreira e Hilário, entrando aos 60 minutos para o lugar de Kalou. Até à entrada do extremo o jogo estava equilibrado. O jogador acabou por protagonizar algumas das melhores jogadas ofensivas dos londrinos, tentando cruzar para a área e colocar a bola nos companheiros de ataque.

Ricardo Carvalho jogou, esta segunda-feira, nas reservas. O central tenta recuperar os índices físicos, após paragem por lesão. Deco também não se apresenta nas melhores condições físicas.

Os «blues» mantêm-se na segunda posição da Premier League, com 58 pontos, a quatro do ManUtd, que tem menos dois jogos.

O Liverpool voltou a vencer em Anfield. A formação orientada por Rafa Benitez ainda não perdeu em casa, mas só tinha vencido dois dos últimos sete jogos. Os golos frente ao Sunderland só surgiram na segunda metade. NGog inaugurou o marcador, aos 52 minutos, Benayoun fez o 2-0, aos 65.

O Arsenal conquistou os três pontos na deslocação ao campo do West Bromwich, 1-3. O conjunto de Arsene Wenger marcou logo aos quatro minutos, através de Brendter, mas a festa só durou três minutos. Brunt, que foi substituído por Filipe Teixeira aos 72 minutos, igualou. Ainda na primeira parte, Toure voltou a colocar os visitantes em vantagem. Bendtner fez o 1-3 final.

Resultados e marcadores da 28ª jornada da Premier League

Terça-feira

Portsmouth-Chelsea, 0-1

(Drogba, 79m)

West Bromwich-Arsenal, 1-3

(Brunt, 7m) (Toure, 38m; Bendtner, 4m, 44m)

Liverpool-Sunderland, 2-0

(NGog, 52m; Benayoun, 65m)

Quarta-feira

Newcastle-Manchester United, 19h45

Manchester City-Aston Villa, 19h45

Wigan-West Ham, 19h45

Stoke City-Bolton, 19h45

Blackburn-Everton, 20h

Fulham-Hull City, 20 h

Tottenham-Middlesbrough, 20h

[notícia actualizada. O Chelsea, através do seu site, atribui o cruzamento para o golo a Quaresma, mas é Bosingwa quem está na jogada. Depois de revistas as imagens, a notícia foi rectificada.]