blues

No 1-0, Kalou assistiu Ballack, pela direita, e o alemão atirou a contar. Foi o primeiro golo do internacional germânico na Premier League 2008/09. Bem perto do intervalo, os londrinos colocavam-se à frente do resultado.

O segundo tempo iniciou-se, praticamente, com o segundo golo do Chelsea. Um livre de Frank Lampard surpreendeu a defesa do Bolton e Drogba desviou para o fundo das redes de Jaaskelainen.

Hilário, Deco e Ricardo Quaresma assistiam do banco ao triunfo, consolidado ainda por uma grande penalidade convertida por Lampard. O camisola oito não perdoou o braço na bola de Gary Cahill e fez o 3-0. Logo a seguir, viria o quarto. Canto de Malouda, Ivanovic toca de cabeça e Drogba bisou na partida. Um minuto após o 4-0, Deco entrou para o lugar de Lampard.

A partir daí, tudo mudou. O Bolton reduziu aos 70, fez o 4-2 aos 74 e ficou a um golo do empate aos 78, graças ao futebol directo aplicado! Os adeptos do Chelsea suavam nas bancadas de Satmford Bridge e só descansaram com o apito final. De uma possível goleada, a equipa conseguiu uma vitória sofrível.

Arsenal com reviravolta espantosa

Atrás do Chelsea continua o Arsenal. A equipa do Norte de Londres arrancou um triunfo por 4-1 no terreno do Wigan, embora os números não espelhem as dificuldades que a formação de Arsene Wenger passou. Um golo de Mido, aos 18 minutos, deu vantagem aos da casa, os gunners só empataram na segunda parte, por Walcott, e passaram para a frente com um golo de Silvestre. Arshavin e Song fizeram descansar os adeptos, com golos no minuto 90.

Boa Morte titular

Só houve mais um português em campo, na tarde de futebol da Premier League, excluindo a participação de Cristiano Ronaldo no encontro do Manchester United. Luís Boa Morte foi titular no West Ham, que deslocou-se a White Hart Lane, para defrontar o Tottenham em derby londrino.

Os spurs venceram com um golo de Pavlyuchenko e Boa Morte saiu aos 71 minutos, depois de os Hammers estarem em desvantagem. Deu o lugar a Kieron Dyer.

Destaque ainda para o primeiro golo do angolano Manucho na Premier League. O avançado emprestado pelo Manchester Utd fez o único golo da derrota do Hull City frente ao Middlesbrough.

Resultados e marcadores da 32ª jornada

Sábado:

Liverpool-Blackburn, 4-0

(Torres, 5 e 33m; Agger, 83m; Ngog, 90m)

Chelsea-Bolton, 4-3

(Ballack, 40; Drogba, 48 e 63; Lampard, 60 g.p.) (Obrien, 70; Basham, 74; Taylor, 78)

Middlesbrough-Hull City, 3-1

(Sanli, 3; Bates, 29: M. King, 89) (Manucho, 9)

Portsmouth-West Brom, 2-2

(Kaboul, 33; Kranjcar, 65) (Greening, 48; Brunt, 62)

Sunderland-Manchester United, 1-2

(Jones, 55) (Scholes, 19; Macheda, 76)

Tottenham-West Ham, 1-0

(Pavlyuchenko, 65)

Wigan-Arsenal, 1-4

(Mido, 18) (Walcott, 61; Silvestre, 71; Arshavin, 90; Song, 90)

Stoke City-Newcastle, mais tarde

Domingo:

Aston Villa-Everton

Manchester City-Fulham