O Rock in Rio Lisboa de 2020 foi adiado um ano, devido à pandemia da covid-19.

A 9.ª edição do festival de música, que deveria acontecer nos dias 20, 21, 27 e 28 de junho de 2020, irá assim acontecer nos dias 19, 20, 26 e 27 de junho de 2021, no mesmo local, o Parque da Bela Vista, anunciou a vice-presidente executiva do Rock in Rio, Roberta Medina, num vídeo partilhado nas redes sociais.

 

De acordo com Roberta Medina, foram estudados «vários cenários», sendo que realizar a 9.ª edição em junho deste ano iria implicar «retomar as montagens da Cidade do Rock» numa altura que a organização acredita ainda não ser favorável.

Os bilhetes já adquiridos para a edição deste ano «manter-se-ão válidos para as novas datas, ficando os dias em aberto até confirmação do cartaz».

A organização irá aguardar pelo levantamento do estado de emergência, para anunciar outras informações dirigidas aos portadores de bilhetes, assim como novidades relativas a cartaz.

Para a edição deste ano do Rock in Rio Lisboa estavam confirmados, entre muitos outros, Foo Fighters, The National, The Black Eyed Peas, Post Malone, Duran Duran, Anitta, A-ha e Bush. Camila Cabello, que também estava entre as confirmações, já tinha anunciado o adiamento da digressão que iria trazê-la a Lisboa.

O Rock in Rio Lisboa realiza-se de dois em dois anos, desde 2004, no Parque da Bela Vista, onde é montada a Cidade do Rock. Segundo Roberta Medina, a 10.ª edição irá realizar-se em 2022, retomando os anos pares.