O Presidente da República agradeceu este domingo a Luís Pitarma, enfermeiro que tratou o primeiro-ministro inglês, Boris Johnson, durante o internamento deste no hospital devido ao novo coronavírus.

Numa nota divulgada no portal da Presidência da República, Marcelo Rebelo de Sousa agradeceu também o empenho de todos os profissionais de saúde durante a pandemia de covid-19.

«O Presidente Marcelo Rebelo de Sousa já transmitiu pessoalmente o seu agradecimento ao enfermeiro Luís Pitarma, e, na sua pessoa, agradece também o empenho de todos os profissionais de saúde portugueses que em Portugal e em todo o mundo estão a prestar uma ajuda decisiva no combate à pandemia», pode ler-se.

O Presidente da República deixou ainda «uma palavra de estímulo aos profissionais de outras nacionalidades que, reforçando o Serviço Nacional de Saúde, prestam um serviço inestimável a Portugal».

«É também por eles que reforça o apelo para que, quem pode, permaneça em casa e cumpra as orientações das autoridades de saúde.»

Luís Pitarma, de 29 anos, a quem Boris Johnson se referiu coo sendo de perto do Porto, é de Aveiro e trabalha há quatro anos no St. Thomas Hospital.