Sem contenção nas palavras e agora... na roupa. Assim é Diego Maradona, que promete desfilar nu pelo centro de Buenos Aires se vencer o Mundial. O compromisso foi feito antes da partida para a África do Sul, nesta quarta-feira.

«Se ganharmos o Mundial, apareço nu no Obelisco», avisou Maradona, referindo-se ao emblemático monumento de Buenos Aires.

De uma promessa para outra, o médico da selecção albiceleste, Donato Villani, disse que os jogadores podem ter relações sexuais durante o estágio em Pretória, mas apenas com as mulheres e namoradas.

«O sexo faz parte da vida social de todos e não é um problema. Os inconvenientes aparecem quando há excessos, quando envolve álcool, seja com uma pessoa que não é parceira estável ou em horários que são de descanso», esclareceu o clínico.

A Argentina está no Grupo B do Mundial, com Nigéria, Grécia e Coreia do Sul.