Diogo Salomão, médio do Real Massamá, que se estreou pelos sub-21 nesta terça-feira, no jogo particular diante da Suécia, na Anadia, e que terminou com uma derrota, por 0-2:

«Foi a realização de um sonho, um grande orgulho. Muitos jogadores dariam tudo para estar no meu lugar. Tentei honrar a nossa camisola e ajudar ao máximo. O mister deu-me algumas noções, antes de entrar, em termos tácticos, sobre o que esperava de mim e acho que cumpri bem durante o tempo que estive em campo. Foi pena o resultado, ninguém gosta de perder, mesmo os amigáveis. A Suécia tem uma grande equipa, que nos criou dificuldades, principalmente no jogo aéreo, mas acho que demos uma boa resposta. Estivemos muito bem a nível de posse de bola, foi só pena o resultado. A equipa cumpriu aquilo que o treinador pediu e há mérito do adversário nos golos. Sofremos os golos de bola parada, o que é sempre complicado. Acho que estamos no bom caminho para chegar ao Europeu. Não vai ser fácil mas se continuarmos a trabalhar e com a sorte do nosso lado... É uma missão complicada, mas temos todas as condições para conseguir essas três vitórias.»