Domingos Paciência e Pedro Caixinha, treinadores de Sporting e Nacional, comentaram desta forma o empate entre as duas equipas (2-2), na primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal. Declarações na flash interview da SportTV:

Domingos Paciência: «Foi evidente o que não conseguimos fazer na primeira parte. Com aquela atitude e aqueles erros, não ganhamos a ninguém. Na segunda parte tudo foi diferente, viu-se uma equipa mais desinibida e conseguimos recuperar. Pena é que não tivéssemos aproveitado as outras oportunidades. Defrontámos uma equipa que trouxe o autocarro e marcou dois golos em três oportunidades. Acredito na reviravolta, temos todas as condições para ir lá vencer. Só nos interessa a vitória na Madeira.»

Pedro Caixinha: «Claramente, há uma superioridade do Sporting na segunda parte, tentámos alterar o lateral esquerdo porque já tinha o amarelo mas o que entrou viu dois. Já quando ninguém previa, sofremos o golo para lá da hora. Parece que há um fora-de-jogo posicional que interfere na acção do guarda-redes. Não nos deixaram fazer mais. Viemos a Alvalade demonstrar a nossa força, estamos no intervalo da eliminatória e daremos tudo para ir ao Jamor. Disse na antevisão que não queria casos no jogo. Não sei se existiram ou não.»