A equipa minhota vem de uma série de resultados negativos, derrota caseira diante do Pandurii e derrota em Barcelos. Éder diz que esse assunto foi discutido no seio do grupo: «Discutimos sobre essa derrota, mas temos que esquecê-la o mais rápido possível e focarmo-nos no nosso trabalho».

O avançado de 25 anos acredita que com mais uma pontinha de sorte a equipa arsenalista pode inverter os resultados dos últimos jogos: «Temos trabalhado bem, mas às vezes falta um bocado de sorte e tenho a certeza de que os meus colegas têm feito tudo para fazer o melhor», referiu o atacante.

O Estoril é o próximo adversário. Depois de entrar em dois jogos consecutivos Jesualdo Ferreira pode lançar Éder no início do encontro. O avançado diz que esse não é o aspecto mais importante, e que o triunfo o deixaria mais feliz.

«Tenho vindo a trabalhar para melhorar os índices físicos, cada vez me sinto melhor e agora é esperar pelas oportunidades e ser mais um a ajudar. Ficaria feliz se conseguíssemos vencer o jogo, é o mais importante», disse Éder. O jogo entre o Sp. Braga e o Estoril disputa-se domingo, pelas 19h45 no Estádio Axa.