No Verão de 2007, o Sp. Braga vendeu Diego Costa ao Atl. Madrid. O brasileiro tinha 18 anos e prometia mundos e fundos. Três anos depois, continua por estrear na equipa principal dos colchoneros. Após cedências a Celta de Vigo, Albacete e Valladolid, o avançado tenta convencer Quique Flores nesta pré-época. Isto, apesar da forte concorrência.

Eduardo e o Génova: «É o desafio ideal»

«Quero aproveitar esta oportunidade, mas não ficava surpreendido se voltasse a sair. É difícil. O Atlético é muito grande e tem o Aguero e o Forlan no ataque», referiu o antigo atleta do Sp. Braga esta terça-feira.

A boa época no Valladolid é um bom cartão de visita e Diego acredita que à quarta será de vez. «Não me vou entregar. Vou complicar as coisas ao Quique. Só penso em treinar no duro, pois confesso que não voltei em boas condições das férias.»