O treinador do Estoril, Vasco Seabra, em declarações na conferência de imprensa após a vitória na receção ao Desp. Chaves (4-0), em jogo da 13.ª jornada da Liga:

[Nesta altura tudo corre bem, é uma espécie de fase de lusa de mel] «Percebo a pergunta, mas nem por isso. Estamos satisfeitos com a exibição, com a predisposição dos jogadores, e olhando para o jogo em si sentir que tivemos uma entrada fortíssima. Aos dez minutos, podia estar 2-0 ou 3-0. Depois o jogo ficou muito morno até ao intervalo. Não fomos tão consistentes como fomos no tempo restante do jogo. Há mérito do Desp. Chaves nesse momento, mas essencialmente estamos felizes com o comportamento dos jogadores, a forma como se batem e correm. A esse nível, parabéns aos nossos jogadores, é este o caminho. Agora é descansar e a seguir voltar com uma energia muito grande.

[É o melhor momento da época do Estoril?] Claro que é importante olharmos e vermos que nos últimos cinco jogos, temos quatro vitórias. É importante os jogadores sentirem que o trabalho tem levado a resultados. Sentíamos que os jogadores estavam muito confiantes mesmo quando não ganhávamos. Estamos felizes por eles, mas sabemos que temos de continuar a correr muito e a trabalhar muito. Hoje é momento de festejar e amanhã temos de acordar num novo momento.

[Sobre Rodrigo Gomes] Eu acredito que o Rodrigo tem um grande potencial, por isso é que a exigência sobre ele tem de ser muito grande. Todos os jogadores têm dado passos em frente, isso é uma valorização da equipa. O Rodrigo isoladamente não consegue ter os momentos que tem tido, também tem a ver com a bola. o que me parece é que o Rodrigo está num excelente momento e vai perdurar, porque ele trabalha muito, mas isso também tem a ver com a envolvência da equipa.»