Resultados para "Depois do futebol"
Fotos (22)
  • Helton, 43 anos: depois de deixar o FC Porto em 2016/17, passou pelos veteranos do Canidelo para manter a forma e ainda retomou a carreira para jogar na União de Leiria em 2020/21. Mais recentemente, tornou-se embaixador da Liga para a época 2021/22, tem-se envolvido nos estudos na área desportiva e dado treinos específicos de guarda-redes (
  • Nuno Gomes: depois de terminar a carreira, integrou a estrutura do Benfica. Foi diretor do centro de treinos do Seixal. Hoje é comentador de futebol na CNN Portugal
  • Beto: depois de terminar a carreira, regressou ao Brasil. Está apostado em descobrir jovens talentos e ainda participa em torneios do futebol amador
  • 8/10: BRASIL-ARGENTINA, 0-1 (11 JULHO, Final da Copa América):  futebol, por fim, sorriu a Leo Messi. Depois de quatro finais perdidas com a albiceleste, o craque argentino conseguiu o tão almejado título ao serviço da seleção do seu país. Melhor jogador, melhor marcador e ainda melhor assistente: foi assim a Copa América de Messi. No final, viram-se lágrimas de alegria ao erguer o troféu, após a vitória diante do eterno rival Brasil, com golo de Di María (22m).
  • A festa do Canadá depois de eliminar a Suécia no desempate por penaltis no torneio de futebol de Tóquio2020 (AP Photo/Andre Penner)
  • A festa do Brasil depois da vitória no torneio de futebol nos Jogos Olímpicos de Tóquio (AP Photo/Fernando Vergara)
  • «Tem de haver um novo futebol depois do que aconteceu com Messi»
  • «Tem de haver um novo futebol depois do que aconteceu com Messi»
  • LUÍS FREIRE
  • Bielsa. Só um nome podia devolver ao mítico Leeds United a glória da Premier League 16 anos depois: El Loco Bielsa. Depois de ter ficado à porta da promoção em 2018/19, o Leeds conseguiu mesmo o regresso ao principal escalão do futebol inglês sob o comando do argentino, e ainda lhe juntou o título do Championship. Na Premier, a época tem sido irregular, mas há uma coisa que não falta nos jogos do Leeds: espetáculo. Polémico, sim, mas sempre romântico. Eis Marcelo Bielsa.
  • Jürgen Klopp. 30 anos depois, o Liverpool voltou a ser campeão inglês, e o primeiro título dos reds na era da Premier League tem um nome em destaque: Klopp. Depois da Champions em 2019, o carismático técnico alemão guiu Van Dijk e companhia ao topo do futebol britânico com tal mestria que a meio da época a pergunta já não era se o Liverpool ia ser campeão, mas quando. Na Champions caiu logo nos oitavos de final frente ao Atlético de Madrid, mas esta época, mesmo com algumas baixas importante, o «seu» – e cada vez mais «seu» – Liverpool já está novamente na liderança da Premier.
  • Momentos do futebol internacional 2020: Liverpool campeão 30 anos depois
  • Momentos do futebol internacional 2020: PSG e Basaksehir abandonaram campo depois de caso de racismo
  • Momentos do futebol internacional 2020: Neymar chorou depois de perder a final da Liga dos Campeões em Lisboa
  • 5/10: Portimonense-Gil Vicente, 1-0 (3 JUNHO, 25.ª Jornada da Liga 2019/2020): 87 dias depois da suspensão das competições, o jogo que marcou a retoma do futebol em Portugal, após a aparição da pandemia da covid-19. Um golaço de Lucas Fernandes deu a vitória aos algarvios.
  • FÁBIO SILVA:
  • JOÃO PEDRO SOUSA:
  • 22 de maio 2010, Santiago Bernabéu. Mourinho chega ao topo da Europa outra vez, campeão europeu com o Inter seis anos depois do FC Porto. A década de Mourinho teve altos e baixos, o futebol mudou e ele também. Mas o treinador português mais vencedor de sempre não é apenas um dos protagonistas destes tempos, foi a inspiração de uma geração e abriu portas para uma abertura internacional aos técnicos portugueses como nunca antes houve.
  • A 20 de Maio de 2014 o Benfica selava a conquista daquele que seria o primeiro título do tetra, na década que mudou o equilíbrio de forças no futebol português. O Benfica foi o primeiro campeão dos anos 10, depois seguiram-se três anos de títulos do FC Porto. Foi a partir de 2014 que as águias ganharam o ascendente que se traduz no saldo final destes 10 anos: 18 títulos conquistados, entre eles seis campeonatos nacionais, contra 12 troféus dos dragões e cinco do Sporting.
  • LIEDSON
  • Diego Maradona e Lionel Messi depois da eliminação da Argentina no Mundial de Futebol, na África do Sul (EPA/Helmut Fohringer)
  • Bruno Gimenez
APP MAISFUTEBOL

O MAISFUTEBOL na palma da sua mão!

Não falhe um golo, uma transferência ou uma notícia com a nossa aplicação GRATUITA para smartphone!
Maisfutebol App Android Maisfutebol App iOS Maisfutebol App Huawei