«As conversas estabelecidas foram muito importantes, pois tivemos contacto com responsáveis técnicos das equipas profissionais e de formação», afirmou Humberto Coelho, em declarações ao site da FPF.

A federação continua assim a visitar os clubes que mais jogadores cedem às seleções, com o objetivo de estreitar das relações.

Do lado do Nacional estiveram presentes Luís Gustavo (administrador da SAD e vice-presidente para o futebol jovem), João Gris Teixeira (administrador da SAD e vice-presidente para o futebol sénior), Margarida Camacho (vice-presidente do clube), Rui Sardinha (administrador da SAD e diretor geral do clube), Manuel Machado (treinador da equipa principal), Bruno Patacas (diretor desportivo), Pedro Talhinhas (diretor da formação), Gustavo Rodrigues (responsável da formação) e João Marques (jurista). O Marítimo fez-se representar por Carlos Pereira (presidente do clube), Rui Anacleto (presidente da fundação Marítimo), Marco Costa (diretor geral do clube), João Luís Lomelino (diretor desportivo) e Nuno Neré (coordenador do futebol jovem).

Eis os clubes visitados:

8 de março: Nacional da Madeira e Marítimo

4 de março: Vitória de Setúbal;

20 de fevereiro: Paços de Ferreira, Penafiel, Beira-Mar e Académica de Coimbra;

19 de fevereiro: Sporting de Braga, Trofense e Varzim;

4 de fevereiro: FC Porto, Padroense e Vitória de Guimarães;

1 de fevereiro: Benfica;

24 de janeiro: Belenenses;

23 de janeiro: Sporting.