Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), considera que a nomeação para uma das vice-presidências da UEFA, anunciada esta quarta-feira, é um «reconhecimento» da importância de Portugal no futebol.

«Enquadro a minha função na UEFA representado pela minha própria pessoa, mas acima de tudo na representação de Portugal e o que tem conseguido nas instâncias internacionais. Não só eu, mas a participação de várias pessoas ao mais alto nível nas decisões da UEFA e FIFA. É o reconhecimento de Portugal como um player extremamente importante nas definições quanto ao futuro competições e própria organização», disse Fernando Gomes numa mensagem divulgada pela FPF.

A mensagem de Fernando Gomes: