A vitória do Ajax desta quinta-feira ante o Young Boys, por 2-0, fez os Países Baixos somarem mais 0.6 pontos na época 2020/2021 para o ranking da UEFA, passando a nação do noroeste europeu de 8.400 para 9.000 pontos somados esta temporada para as contas da hierarquia.

Os holandeses mantêm-se assim, tal como Portugal (com o FC Porto) com uma equipa ainda em prova nas competições europeias, mas a distância é ainda considerável e há conforto luso na sexta posição (48.149 para 39.000).

A olhar para cima, Portugal mantém-se ainda um pouco longe da França, que soma 55.581 e tem ainda o PSG em ação na Europa. Ainda assim, a participação portuguesa de 2020/2021 está já a permitir uma aproximação ao quinto lugar.

No topo, a jornada europeia desta semana deixou Inglaterra e Espanha empatadas no topo (95.712), sendo a tendência a de os ingleses ultrapassarem os espanhóis, ao fim de quase dez anos. A Inglaterra liderou pela última vez em 2012. Tem ainda cinco equipas em ação (Chelsea, Liverpool e Manchester City na Liga dos Campeões e Arsenal e Manchester United na Liga Europa), ao passo que Espanha conta com o Real Madrid na Liga dos Campeões e com Granada e Villarreal na Liga Europa.

Além das cinco equipas inglesas e das três espanholas, a Itália, terceira do ranking, mantém-se apenas com a Roma (Liga Europa) em prova. A Alemanha, quarta do ranking, tem ainda Bayern Munique e Borussia Dortmund (Liga dos Campeões) e está bem perto de ameaçar a posição italiana.

Para lá destes países, a República Checa (17.ª do ranking) e a Croácia (18.ª), são as nações que ainda mantêm um representante cada em ação, respetivamente o Slavia e o Dínamo Zagreb, ambos na Liga Europa. Subiram um lugar cada, deixando a Suíça em 19.º.

RANKING UEFA (Participação de 2020/2021 | Equipas em prova):

1.º: Inglaterra, 95.712 (19.500 | 5/7)
2.º: Espanha, 95.712 (17.357 | 3/7)
3.º: Itália, 74.581 (15.428 | 1/7)
4.º: Alemanha, 73.284 (14.928 | 2/7)
5.º: França, 55.581 (7.416 | 1/6)
6.º: PORTUGAL, 48.149 (9.200 | 1/5)
7.º: Holanda, 39.000 (9.000 | 1/5)
8.º: Rússia, 38.382 (4.333), já sem representantes
9.º: Bélgica, 36.500 (6.000), já sem representantes
10.º: Áustria, 35.825 (6.700), já sem representantes
(…)
17.º: República Checa, 26.400 (6.400 | 1/5)
18.º: Croácia, 26.275 (5.900 | 1/5)