o acordo firmado hoje em Pequim pelo presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Pedro Proença