O Sporting sagrou-se bicampeão nacional de futsal ao bater o Sp. Braga por 3-1, no jogo 4 da final.

No primeiro tempo, Alex Merlim fez o 1-0 e só nos minutos finais, quando o Sp. Braga já jogava com guarda-redes avançado, Diogo fez o segundo e o guarda-redes André Sousa fez o terceiro, de baliza a baliza. O primeiro e único golo do guardião esta época.

André Machado ainda reduziu para os minhotos no esforço final, mas não deu para mais e o Sporting venceu a final, conquistando o campeonato.

Nota ainda para Nuno Dias, treinador do Sporting, que foi expulso por protestos contra a equipa de arbitragem, quando pedia a quinta falta do Sp. Braga, perto do fim.

Os minhotos não conseguiram forçar a «negra» frente a um Sporting que esta terça-feira se apresentou muito forte e que corrigiu os erros que tinha cometido no jogo 2, no pavilhão dos bracarenses. Aliás, essa derrota no jogo 2 foi a única dos verde e brancos em todo o Campeonato.

Este é o 14º título de campeão nacional de futsal para o Sporting, que esta época conquistou a Taça da Liga e foi vice-campeão europeu.

RESULTADOS DA FINAL:

Jogo 1: Sporting-Sp.Braga, 3-1

Jogo 2: Sp. Braga-Sporting, 5-4

Jogo 3: Sporting-Sp. Braga, 6-1

Jogo 4: Sp. Braga-Sporting, 1-3