Portugal estava arredado deste troféu desde 1997. Ricardo Barreiros marcou o primeiro golo e acabou com todas as dúvidas ao aproveitar uma grande penalidade. O jogador falhou a primeira tentativa mas marcou na recarga.

Pelo meio, Valter Neves marcou o segundo golo de Portugal e Jordi Adroher ainda devolveu alguma esperança para a Espanha, antes da estocada final de Ricardo Barreiros. Festa portuguesa em Montreux.