O futebol nigeriano está em alvoroço depois de a BBC Africa Eye estar a transmitir, pela primeira vez, um vídeo do selecionador nigeriano, Salisu Yusuf, a aceitar dinheiro de homens que se fizeram passar por falsos agentes de futebol, mas que eram na verdade jornalistas.

Yusuf é chief coach na federação da Nigéria, comanda a seleção no CHAN e nos Jogos Olímpicos e foi um dos adjuntos do selecionador Gernot Rohr no Mundial de 2018. 

As imagens foram captadas pelo repórter Anas Aremeyaw em setembro de 2017, no qual se pode ver o selecionador de 56 anos a aceitar cerca de mil dólares a troco de convocar alguns futebolistas.

Salisu Yusuf assumiu o comando técnico da seleção da Nigéria em 2016 e, na reação à divulgação das filmagens, defende que pensou que o dinheiro se tratava de uma ‘prenda’, ficando a aguardar que a polémica instalada no futebol nigeriano não o impeça de liderar a seleção nos Jogos Olímpicos de 2020.

Veja aqui o vídeo gravado pela BBC Africa Eye: