«É sempre bom ganhar, ainda para mais contra a França. É bastante importante e vamos ver o que se passa no Mundial», afirmou o jogador do Barcelona. A Espanha não vencia em solo gaulês há 42 anos, mas ainda assim Iniesta sente que a vitória não aumenta o favoritismo da equipa para a África do Sul: «Num Mundial pode passar-se de tudo.»

O jogador do Barcelona comentou que o importante para a selecção espanhola é continuar a trabalhar como até agora, e dar 100 por cento em todos os encontros disputados. Iniesta ainda lamentou as assobiadelas de que foi vítima o seu colega de equipa Thierry Henry, num jogo em que faltou inspiração à maioria dos jogadores franceses.