O selecionador do Brasil, Tite, referiu que o jogador do Real Madrid, Vinícius Júnior, perdeu uma «oportunidade» soberana de mostrar serviço na seleção “canarinha”, nos dois jogos particulares antes da convocatória para a Copa América 2019.

«Quanto mais alto o nível, mais os atletas devem competir de forma leal. O Vinícius perdeu a oportunidade, vai ter de jogar muito no seu clube [ndr: Real Madrid], tal como o Neres e o Everton», notou Tite, em conferência de imprensa, após o triunfo ante a República Checa, por 3-1, na noite de terça-feira.

Antes de vencer os checos, o Brasil tinha empatado ante o Panamá, 1-1, no Estádio do Dragão, no último sábado.

Vinícius estava inicialmente convocado por Tite para os dois jogos, mas uma lesão no tornozelo direito deixou-o de fora. O jogador de 18 anos foi rendido nos eleitos por David Neres, do Ajax.

A Copa América realiza-se entre os dias 14 de junho e 7 de julho, no Brasil.