Edivaldo Bolívia, jogador que ainda pertence aos quadros da Naval 1º de Maio, surpreendeu a Argentina de Messi e companhia. O avançado, nascido no Brasil e naturalizado recentemente boliviano, colocou a sua selecção em vantagem e obrigou Aguero a brilhar para evitar a derrota celeste (1-1).

A Argentina desiludiu os seus adeptos no primeiro jogo da Copa América. Após o intervalo, a Bolívia desenhou o cenário de escândalo. Na sequência de um pontapé de canto, Edivaldo apareceu ao primeiro poste para um desvio de calcanhar. Banega, de forma infantil, tentou dominar a bola em cima da linha de baliza e deixou a mesma entrar.

Sergio Batista esteve à beira de um ataque de nervos. Valeu-lhe Sergio Aguero. O avançado saltou do banco e, em poucos minutos, garantiu o empate. Belo remate de primeira, no interior da área. A Argentina ainda partiu em busca do segundo golo, sem sucesso.