A escolha foi anunciada nesta segunda-feira pelo clube holandês, que no início do mês tinha confirmado a saída de Fred Rutten no final da época.

«Enche-me de orgulho treinar o clube onde iniciei a carreira, e estou extremamente grato pela confiança depositada em mim», disse o antigo internacional holandês.

Van Bronckhorst, de 40 anos, é adjunto do Feyenoord desde 2011. Trabalhou primeiro com Ronald Koeman e depois com Fred Rutten, que vai agora substituir.

O Feyenoord é atualmente o terceiro classificado da Liga holandesa, a dezasseis pontos do líder PSV.