Um tribunal dos EUA revelou este domingo que Wayne Rooney, antigo internacional inglês e grande figura do Manchester United, foi detido no passado dia 16 de dezembro pelas autoridades policiais do Aeroporto Metropolitano de Washington. 

O caso fugiu até agora ao olhar da comunicação social, mas o atual avançado do DC United foi mesmo obrigado a pagar uma fiança para ser libertado. 

«Ele foi levado pela polícia para o Centro de Detenção de Adultos de Loudoun County», adiantou o porta-voz da Polícia dessa região. 

«O senhor Rooney foi acusado de embriaguez e comportamento inapropriado em público. Acabpu por ser detido e mais tarde libertado após pagar uma fiança.»

No dia anterior à detenção, Wayne Rooney estava na Arábia Saudita a assistir ao vivo a uma corrida de Fórmula E. Viajou a seguir para os EUA e, de acordo com estes relatos oficiais, acabou por ser preso ainda no aeroporto.