Para esta renovação muito contribuiu a boa prestação do «submarino amarelo» nesta edição da liga espanhola, onde ocupa atualmente a 5ª posição, a sete pontos do líder Barcelona.

Marcelino, de 50 anos, chegou ao Villarreal em janeiro de 2012/13, quando o clube estava na segunda divisão. Nessa mesma temporada garantiu a subida da equipa ao primeiro escalão, e nas duas últimas levou a equipa às competições europeias.

Se cumprir o contrato até 2019, Marcelino García passa a ser o técnico com mais épocas na história do clube, superando as cinco de Manuel Pellegrini, que orientou o clube entre 2004 e 2009.