A chamada do médio Calú e os regressos de Stopira, Alex e Sita são as novidades na lista de convocados da seleção cabo-verdiana de futebol para o duplo compromisso de apuramento para o Mundial2014, a disputar no Brasil.

Integrada no Grupo B de qualificação africana para o Mundial2014, a seleção de Cabo Verde perdeu os três primeiros encontros - fora com a Serra Leoa (1-2) e Guiné Equatorial (3-4), jogo entretanto protestado) e em casa com a Tunísia (1-2)-, recebe a 08 de junho os equato-guineenses e, uma semana depois, os serra-leoneses.

Na convocatória, são nove os jogadores cabo-verdianos que jogam atualmente em Portugal - Gegé (Marítimo), Kay (Belenenses), Nivaldo Tax (Académica), Babanco (Olhanense), David Silva (Olhanense), Djaniny (Olhanense), Héldon (Marítimo), Júlio Brito (Gil Vicente) e Platini (Santa Clara).

Após a derrota frente à Guiné Equatorial, o selecionador Lúcio Antunes deixou de fora sete jogadores - Pecks, Josimar Lima, Fernando Varela (castigado), Sténio, Tibs e Rambé, promovendo o regresso de Stopira, Alex e Sita.

O estágio dos «Tubarões Azuis» começa a 03 de junho, na Cidade da Praia.

O jogo contra a Guiné Equatorial reveste-se de particular importância, porque os "Tubarões Azuis", como é conhecida a seleção cabo-verdiana, pretendem continuar a alimentar a esperança de ainda chegar ao Mundial do Brasil.

A Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF) ainda aguarda os resultados do processo disciplinar contra a Guiné Equatorial por alegadas irregularidades durante o jogo em Malabo. Segundo a nota de protesto enviada à Confederação Africana de Futebol (CAN) e à FIFA, Cabo Verde defende que a Guiné Equatorial utilizou um jogador inelegível, pelo que a seleção equato-guineense pode perder os três pontos.

A confirmar o cenário otimista, duas vitórias nos próximos dois jogos podem catapultar Cabo Verde para os primeiros lugares do grupo e relançar a luta com a Tunísia, que lidera o agrupamento, com nove pontos, fruto de três vitórias em outros tantos jogos, seguida pela Guiné Equatorial e Serra Leoa, com quatro pontos.

Convocados:

Guarda-redes: Vozinha (Progresso Sambizanga/Angola) e Fock (Batuque).

Defesas: Gegé (Marítimo/Portugal), Carlitos (Limassol/Chipre), Kay (Belenenses/Portugal), Guy Ramos (Waalwijk/Holanda), Nivaldo Táx (Académica/Portugal) e Stopira (Videoton/Hungria).

Médios: Babanco (Olhanense/Portugal), Marco Soares (Omonia/Chipre), Toni Varela (Sparta Roterdão/Holanda), David Silva (Olhanense/Portugal), Sita (Recreativo Libolo/Angola), Calú (Progresso Sambizanga/Angola) e Alex (Inter Clube/Angola).

Avançados: Djaniny (Olhanense/Portugal), Héldon (Marítimo/Portugal), Júlio Tavares (Dijon/França), Brito (Gil Vicente/Portugal) e Platini (Santa Clara/Portugal).