Num mesmo texto, as palavras de Jesualdo sobre duas das principais figuras do F.C. Porto-ManUtd. Comecemos pelo português dos red devils. «Cada técnico tem as suas formas de motivação e se calhar o senhor Ferguson tentou motivar o Ronaldo dessa forma. Mas não interpreto isso de uma forma objectiva e não retiro daí qualquer conclusão.»

Depois, Hulk. «É dos jogadores mais inexperientes que o F.C. Porto tem. À medida que vai jogando, vai entendendo a responsabilidade da sua missão. Não me parece que em Manchester tenha sido um jogador diferente, mais individualista. O adversário é que era distinto», concluiu o treinador.