A França diz ter conhecimento do planeamento de um ataque do Estado Islâmico à sua delegação nos Jogos Olímpicos do Rio2016, através de parceiros de cooperação, sem que mais nenhum detalhe fosse dado pelas autoridades francesas.

Christophe Gomart, diretor do serviço de inteligência francês, terá informado da intenção terrorista em maio junto de uma comissão parlamentar que investiga os ataques do último ano em Paris, mas só agora o documento foi revelado.

Não há pormenores, mas o atentado estaria a ser planeado por um cidadão brasileiro.

No entanto, o gabinete de segurança brasileiro, responsável pelos serviços de informação no país, disse à agência AFP não ter recebido qualquer informação da parte dos franceses e desmentiu ter dado essa informação.