* por David Marques

Jorge Jesus falou de Bebé, Talisca e Pizzi. Sobre o antigo jogador do Manchester United, que prefere tratar por Tiago, sublinhou que precisa de evoluir na compreensão do jogo. «É um jogador rápido e que cruza muito bem. É forte no um contra um, mas não sabe o que são os momentos do jogo. A relação dele [com o jogo] é ele e a bola. Já falámos sobre isso várias vezes», começou por explicar o técnico dos «encarnados» na antevisão do jogo com o Paços de Ferreira, que marca o início da defesa do título nacional.

Jesus acrescentou que o caso de Bebé é semelhante ao de Anderson Talisca, que chegou ao clube neste defeso e que, defende, também não interpreta na perfeição os vários momentos do jogo.

Melhor neste aspeto está Pizzi. O jogador regressou ao Benfica depois de uma época por empréstimo no Espanhol de Barcelona. «É um organizador de jogo, conhece os momentos do jogo e tem de jogar pelos corredores centrais. Se sabe jogar nas faixas? Sabe, mas penso que essa não é a melhor característica dele. Pode fazer a posição do Enzo», explicou o treinador, lembrando que conhece o jogador de 24 anos desde que orientou o Sp. Braga na temporada de 2008/09.