José Mota, técnico do Leixões, em declarações após o empate a dua bolas com o V. Guimarães.

«Este empate sabe a pouco. O jogo foi competitivo, teve quatro golos e o resultado foi incerto até ao fim. Queríamos vencer e justificámos o triunfo por tudo o que fizemos. Depois do 0-1 reagimos bem, conseguimos a reviravolta frente a uma grande equipa e nunca pensei sequer empatar.»

Sobre a luta pela Europa:

«O que vos posso dizer é que até ao fim vamos tentar ganhar sempre.»

Sobre a arbitragem:

«Não existe grande penalidade sobre o Milhazes. Até admito um contacto, mas leve. A forma como ele caiu diz tudo. O Pedro Henriques não costuma ser cúmplice das simulações, mas desta vez não acertou. A partir da 18ª jornada o Leixões sofreu seis grandes penalidades. Até aí tinha sofrido uma. A nosso favor temos apenas uma durante todo o campeonato. De vez em quando um penalty a nosso favor dava jeito. O Sereno deveria ter sido expulso.»