O histórico guarda-redes paraguaio, Justo Villar, terminou a carreira aos 41 anos. O guarda-redes anunciou a decisão através de um vídeo divulgado nas redes sociais.

«Foi aqui em Cerrito que comecei a minha carreira como futebolista. Oficialmente vou deixar de jogar. Quero agradecer-vos por todo o carinho e apoio. Agradeço também aos meus treinadores, colegas e amigos com quem vivi bons e maus momentos. Obrigado aos meus pais, à minha família, à minha mulher e ao meu filho. Obrigado a Deus por me ter dado oportunidade de viver uma carreira maravilhosa. Irei continuar ligado ao desporto que amo. Obrigado», disse, no vídeo.

Villar, de 41 anos, foi internacional paraguaio em 120 ocasiões. Participou em três Mundiais (2002, 2006 e 2010) e representou emblemas como Libertad, Sol de América, Newell's Old Boys, Valladolid, Estudiantes, Colo-Colo e Nacional.