FICHA DE JOGO

No primeiro tempo, o guardião negou o golo a Stepanenko, ao minuto 13, naquela que foi a melhor ocasião do Shakhtar. No resto do tempo, a equipa ucraniana foi mais forte e esteve mais tempo no ataque, mas falhou no momento de decidir as jogadas.

O segundo tempo não foi muito diferente, com Douglas Costa a voltar a testar Iraizoz e com o Atletico a tentar responder. Porém, o melhor lance aconteceu já ao cair do pano, num remate de Susaeta que Pyatov encaixou.

Na próxima ronda, o Bilbao vai à Bielorrussia enfrentar o BATE Borisov, ao passo que o Shakhtar recebe o FC Porto.