O Tottenham joga a primeira mão das meias-finais da Liga dos Campeões, esta terça-feira, contra o Ajax. Os spurs não podem contar com cinco jogadores: Harry Kane, Son, Harry Winks, Serge Aurier e Erik Lamela.

No entanto, Mauricio Pochettino desvalorizou as ausências e lembrou o percurso da sua equipa até esta fase da prova. 

«Chegamos até aqui porque somos uma equipa e vamos continuar assim. Não estamos preocupados», sublinhou, citado pela Sky Sports, quando confrontado com a lista de indisponíveis.

O técnico argentino frisou ainda que não existe cansaço para o jogo com os holandeses.

«É impossível haver cansaço num jogo como este. É uma questão mental. A energia vai existir, não tenho dúvidas», referiu.

Pochettino admitiu ainda «que está a viver um sonho» desde que há cinco anos deixou a casa do presidente do clube, Daniel Levy, quando este estava de pijama.

«Em cinco anos o objetivo era concluir a construção do estádio e permanecer competitivos. E, mais tarde, chegar à Liga dos Campeões. Era um projeto ambicioso», referiu antes de puxar dos galões.

«Vejam o que fizemos. Não ganhamos nenhum troféu, mas o percurso é incrível. Nenhum clube na história pode repetir o que o Tottenham fez.»