Wembley vestiu-se de gala e viu o Tottenham bater esta noite o Borussia Dortmund, por 3-0, em jogo da primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões.

Ainda a jogar em casa emprestada, os spurs construíram o resultado «gordo» com uma segunda parte de luxo e podem agora dormir com uma almofada confortável até 5 de março, dia da segunda mão.

Depois de uma primeira parte sem golos e marcada pelo equilíbrio, o Tottenham entrou a todo o gás no segundo tempo e marcou logos aos 64 segundos. Hakimi perdeu a bola em zona proibida e Vertonghen cruzou para Son, que de primeira, bateu Burki e abriu a caixa de pandora alemã.

Com Raphael Guerreiro no banco – viria a entrar apenas aos 88 minutos –, o Dortmund nunca conseguiu ameaçar a vantagem londrina e tão pouco evitar que a sua desvantagem aumentasse.

FILME E FICHA DE JOGO.

Aos 83 minutos, Vertonghen, qual ponta de lança, surgiu na área e respondeu da melhor forma a um belo cruzamento de Aurier, num golo desenhada pelos dois laterais da equipa de Pochettino.

Pouco depois, aos 87m, Llorente, na segunda vez que tocou na bola, engordou ainda mais o resultado e fechou o resultado em 3-0, complicando, e de que maneira, as contas alemãs.

Até ao apito final, só Guerreiro esteve perto de reduzir para o Dortmund, mas o remate em arco saiu a rasar o poste da baliza de Lloris.

A jogar em casa emprestada, o Tottenham vestiu Wembley de gala e tem agora a chave na mão para o acesso aos «quartos». Só falta rodar a fechadura, dia 5 de março, na Alemanha.