Sá Pinto projetou esta quarta-feira aquele que será o primeiro jogo oficial do Sp. Braga esta temporada. Os bracarenses jogam em Copenhaga a 1.ª mão da 3.ª pré eliminatória da Liga Europa e o treinador, que fará também ele a sua estreia no comando técnico do Sp. Braga, alerta para o maior ritmo competitivo do Brondby.

«É o nosso primeiro jogo oficial. Gostávamos de já ter mais, pelo menos tantos quantos o nosso adversário tem, que já tem oito. Mas não penso que será decisivo para a equipa. Queremos um bom resultado, que nos permita levar a eliminatória para ser discutida em Braga e nos permita decidir a eliminatória a nosso favor em casa», começou por referir Sá Pinto.

Confrontado com a intenção de fazer um jogo físico, admitida pelo técnico do Brondby, Sá Pinto pede inteligência à sua equipa. «Estamos preparados para tudo. O Brondby tem mais oito jogos do que nós. Teremos de ser inteligentes e estrategas, mas teremos também que estar confiantes e saber aquilo que queremos. Sabemos onde vimos jogar e o valor do adversário, portanto estamos preparados para jogar este jogo», atirou.

Admitindo ter já um onze idealizado, ainda que sem o divulgar, o técnico do Sp. Braga traçou o perfil do seu adversário: «É uma equipa que em casa se galvaniza, tem um apoio fantástico do seu público que se transforma no 12.º jogador. Senti isso no que vi frente ao Lechia Gdansk. Percebemos que isso é algo com que eles estão a contar e estamos também preparados para isso. Tem jogadores fortes, alas rápidos, criativos e móveis; dois centrais muito fortes, sobretudo nos lances ofensivos e laterais que se projetam bem no ataque. Gosta de um futebol de posse e apoiado. Nós também temos a nossa ideia de jogo e a nossa estratégia», frisou.

O jogo entre o Brondby e o Sp. Braga está agendado para as 17h30 desta quinta-feira, em Copenhaga no Brondby Stadion.

 

LEIA TAMBÉM

Todo o noticiário do Sp. Braga

Todo o noticiário da Liga Europa