Nuno Espírito Santo manifestou-se amargurado depois do empate do Wolverhamton com o Olympiakos (1-1), em Atenas, considerando que é um «absurdo» estar a jogar um jogo de futebol num estádio vazio quando há pessoas doentes e a morrer, a propósito da pandemia do Covid-19.

«Estamos com o coração pesado com o que está a acontecer no mundo. Apercebe-nos o que se está a passar à nossa volta, com pessoas doentes e a morrer e estamos a jogar um jogo de futebol. É um absurdo», atirou.

Quanto ao jogo. «Não foi um jogo de futebol muito bom. Tivemos mais controlo e posso de bola, mas não conseguimos desequilibrá-los com oportunidades. Temos de ser justos com os jogadores e com toda a gente quanto ao que se passou. Os jogadores estiveram focados durante o jogo, mas o Olympiakos é uma equipa muito boa», destacou, na flash-interview, no final do jogo.