Nesta contabilidade o Maisfutebol não incluiu, porém, todos os elementos inscritos na Liga. Os jogadores que pertencem às equipas B ficam de fora, assim como aqueles que ainda têm idade de júnior.

Ainda assim são mais de 400 jogadores. 411, pelas nossas contas. E nem metade destes ativos são portugueses: 189, o que corresponde a apenas 46 por cento.

FC Porto e Benfica são os únicos que não têm maioria lusa

FC Porto e Benfica são as únicas equipas da Liga em que os portugueses não estão em maioria no balneário.

Os «dragões» têm apenas quatro elementos lusos, metade da representação brasileira. Na Luz há tantos portugueses como sérvios e brasileiros (seis).

O Belenenses é a equipa com maior percentagem de jogadores portugueses: 16, num total de 25, o que dá 64 por cento. Estoril e Paços de Ferreira surgem logo a seguir, assim como o Arouca. V. Setúbal e Sp. Braga são as outras equipas em que mais de metade do plantel é português.

Peso dos portugueses no plantel:

Belenenses: 64 por cento

Estoril: 63 por cento

P. Ferreira: 63 por cento

Arouca: 62 por cento

Vitória Setúbal: 59 por cento

Sp. Braga: 54 por cento

Nacional: 48 por cento

Vitória Guimarães: 46 por cento

Rio Ave: 44 por cento

Gil Vicente: 42 por cento

Marítimo: 41 por cento

Académica: 40 por cento

Olhanense: 36 por cento

Sporting: 33 por cento

Benfica: 21 por cento

FC Porto: 17 por cento